Homem ataca verbalmente filha de Trump em avião

De acordo com uma testemunha que estava no avião, Ivank ignorou os comentários do homem e tentou distrair os filhos

Los Angeles – Um homem repreendeu Ivanka Trump, filha do presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, em um avião que partia do aeroporto John F. Kennedy, em Nova York, o que fez com que a tripulação expulsasse o passageiro do voo.

O site especializado “TMZ” informou sobre o incidente, que ocorreu na manhã de hoje quando Ivanka tentava viajar com seus três filhos em um voo da companhia aérea JetBlue.

“Seu pai está arruinando o país. Por que ela (Ivanka) está no nosso voo? Deveria estar em um voo particular”, disse o irritado passageiro, de acordo com informações do “TMZ”.

De acordo com uma testemunha que estava no avião, Ivank ignorou os comentários do homem e tentou distrair os filhos.

Após os ataques verbais a tripulação expulsou o passageiro do voo. Posteriormente, a JetBlue divulgou comunicado para explicar o incidente.

“A decisão de retirar um cliente de um voo não é tomada superficialmente. Se a tripulação determina que um cliente está causando um conflito no avião, pediremos que ele desça, especialmente se a tripulação considerar que há risco de a situação se agravar durante o voo”, explicou a companhia na nota.

“Nossa equipe trabalhou para reacomodar essa pessoa no voo disponível seguinte”, completou a empresa.

A filha mais velha do magnata, de 35 anos, teve um papel influente na campanha eleitoral do país. Durante o período de transição, Ivanka participou de várias reuniões importantes do futuro presidente americano.