França prende 16 pessoas por assalto a Kim Kardashian

Polícia realizou várias operações simultâneas para prender 16 pessoas relacionadas ao assalto à americana Kim Kardashian

Paris – A Polícia francesa deteve nesta segunda-feira 16 pessoas em várias operações policiais simultâneas em diferentes pontos do país em relação ao assalto contra a americana Kim Kardashian no dia 3 de outubro em um hotel de luxo de Paris onde estava hospedada.

As detenções aconteceram pouco depois das 6h (horário local, 3h em Brasília) em duas cidades da periferia de Paris (Raincy e Vincennes), em Ruán (noroeste do país) e na cidade de Grasse, na Provença (sudeste), afirmou a emissora “RTL”.

A “France Info”, que citou uma fonte da Polícia, informou que entre as pessoas detidas estão os autores materiais do roubo, mas também intermediários, vinculados com a tentativa de revender as joias de Kardashian.

Esta rádio especificou que a operação comandada pela Brigada de Repressão do Crime não está encerrada e que o número de 16 detidos é provisório.

A operação desta manhã aconteceu menos de uma semana depois que Kim Kardashian pôs fim a seu silêncio nas redes sociais e contou como aconteceu o assalto.