França envia ao Japão socorristas, especialistas e equipamentos de proteção

Avião transporta 14 toneladas de equipamento, o que incluía material de proteção para escapamentos radioativos como máscaras, camisolas e dez mil pastilhas de iodo

Paris – Um avião decolou esta madrugada de Paris com destino ao Japão com uma centena de socorristas e especialistas franceses em riscos nucleares, além de material para o salvamento de vítimas e de proteção perante eventuais radiações.

O Ministério de Relações Exteriores indicou que o avião, que saiu do aeroporto Charles de Gaulle em direção a Tóquio, transportava 14 toneladas de equipamento, o que incluía material de proteção para escapamentos radioativos como máscaras, camisolas e dez mil pastilhas de iodo.

Além dos socorristas da Segurança Civil, viajam dois médicos especialistas em riscos radiológicos do hospital militar Percy de Clamart, nos arredores de Paris, e um engenheiro do Instituto de Radioproteção e de Segurança Nuclear (IRSN).

Paris tinha recomendado ontem aos franceses que estejam no nordeste do Japão, região onde está a usina nuclear de Fukushima, que fiquem em casa e bloqueiem as entradas de ar, além de armazenarem garrafas de água quando possam fazê-lo.

Também aconselhou aos moradores em Tóquio que saiam da cidade perante o risco de novas réplicas sísmicas. No Japão há cerca de dez mil franceses, 7.000 deles na região da capital.