Filipinas irão oferecer anticoncepcionais a mulheres pobres

O esforço para disponibilizar anticoncepcionais e garantir à população é importante para reduzir a pobreza

Manila – O presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, ordenou que as agências do governo assegurem o acesso gratuito a anticoncepcionais para 6 milhões de mulheres Filipinas.

O secretário de Planejamento Econômico, Ernesto Pernia, afirmou que o esforço para disponibilizar anticoncepcionais e garantir à população é importante para reduzir a pobreza.

Segundo Pernia, o objetivo do governo é reduzir a taxa de pobreza de 21,6% em 2015 para 14% ou 13% até o fim do mandato de Duterte, em 2022.

A ordem executiva de Duterte, assinada na última segunda-feira, diz que ao menos 2 milhões de mulheres foram identificadas como pobres e devem ter acesso aos anticoncepcionais até 2018. Fonte: Associated Press.

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s