Explosão após descarrilamento de trem mata 5 na Bulgária

Pelo menos 23 pessoas ficaram feridas com queimaduras, depois que um trem descarrilou e explodiu na Bulgária

Sofia, Bulgária – Cinco pessoas morreram na Bulgária após uma explosão de gás em consequência do descarrilamento de um trem de carga na manhã deste sábado, informou a rádio nacional búlgara.

Autoridades afirmaram que pelo menos 23 pessoas ficaram feridas, muitas com queimaduras graves.

O chefe do departamento de Defesa Civil do país, Nikolay Nikolov, disse que ao menos 20 imóveis do vilarejo de Hitrino, de 800 habitantes, foram destruídos com a explosão, registrada às 5h40, horário local.

Dois vagões tanque, transportando butano e propileno, descarrilaram na estação de Hitrino, atingindo linhas de eletricidade, o que provocou a explosão, disseram autoridades policiais. Mais cedo, autoridades descreveram a carga como sendo gás natural liquefeito.

O prefeito de Hitrino, Nuridin Basri, disse a jornalistas que havia crianças embaixo dos escombros de uma casa que desabou.

O primeiro-ministro Boiko Borisov visitou o local da explosão e pediu doações de sangue para resolver a escassez em hospitais próximos. “Haverá mais baixas”, disse Borisov a repórteres. Ele afirmou que vários feridos sofreram queimaduras em mais de 90% do corpo e que os danos da explosão foram extensos.

O trem viajava da cidade portuária búlgara do Mar Negro de Burgas para a cidade de Ruse, nas margens do Rio Danúbio.

Fonte: Associated Press