Exército russo afirma ter liquidado 35 mil combatentes na Síria

"A aviação russa realizou 17.800 ataques aéreos, atingiu 71.000 vezes as infraestruturas dos terroristas", anunciou o ministro da Defesa

Os bombardeios da aviação russa na Síria permitiram “liquidar” 35.000 combatentes desde o início de sua intervenção, em setembro de 2015, anunciou o ministro da Defesa, Serguei Shoigu.

“A aviação russa realizou 17.800 ataques aéreos, atingiu 71.000 vezes as infraestruturas dos terroristas, liquidando 725 campos de treinamento, 405 fábricas de explosivos, 1.500 equipamentos militares e 35.000 combatentes, incluindo 204 comandantes”, enumerou Shoigu.