Dólar R$ 3,27 0,13%
Euro R$ 3,64 0,23%
SELIC 11,25% ao ano
Ibovespa -0,51% 63.761 pts
Pontos 63.761
Variação -0,51%
Maior Alta 3,64% FIBR3
Maior Baixa -2,44% CIEL3
Última atualização 29/05/2017 - 17:21 FONTE

Exercício militar nas Malvinas é rotineiro, diz Reino Unido

Os militares britânicos vão testar nesses exercícios o sistema de defesa terra-ar Rapier, uma das armas que o Reino Unido utilizou durante a Guerra das Malvinas

Londres – As operações militares que o exército do Reino Unido deve realizar nas Ilhas Malvinas neste mês são um “exercício rotineiro”, segundo disse nesta sexta-feira à Agência Efe um porta-voz do Ministério das Relações Exteriores britânico.

“É um exercício rotineiro que se realiza nas Malvinas aproximadamente duas vezes por ano”, afirmou esse porta-voz, que detalhou que as manobras incluem “lançamentos de testes” de “mísseis de curto alcance desenhados para proteger a base aérea das ilhas”.

Os militares britânicos vão testar nesses exercícios o sistema de defesa terra-ar Rapier, uma das armas que o Reino Unido utilizou durante a Guerra das Malvinas, em 1982.

“Este exercício foi realizado durante muitos anos. É um dos muitos testes de lançamentos rotineiros produzidos pelo Ministério da Defesa e pelas forças de defesa das Ilhas Malvinas regularmente”, acrescentou o porta-voz do Foreign Office, o Ministério das Relações Exteriores britânico.

O Serviço de Hidrografia Naval da Argentina (SHN) informou hoje que o Reino Unido prevê executar esse “exercício de armas” entre 19 e 28 de outubro.

O órgão, que é vinculado ao Ministério da Defesa argentino, ressaltou que considera as Ilhas Malvinas “território ocupado de forma ilegítima pelo Reino Unido”, país que exerce a soberania sobre o arquipélago.

O SHN afirmou que estava emitindo essa informação “em seu caráter de autoridade de aplicação de compromissos internacionais vigentes com a Organização Marítima Internacional e com a Organização Hidrográfica Internacional, assim como por razões humanitárias de proteção à vida humana no mar”.