Escolhida de Trump para Conselho de Segurança desiste do cargo

Monica Crowley havia sido escolhida para atuar como diretora de comunicações estratégicas do Conselho de Segurança Nacional

Washington – A consultora de política externa Monica Crowley, indicada pelo presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, para ocupar um cargo na Casa Branca vai abrir mão do posto, disse à Reuters um funcionário da equipe de transição nesta segunda-feira.

Crowley havia sido escolhida para atuar como diretora de comunicações estratégicas do Conselho de Segurança Nacional, mas sua indicação havia sido manchada por relatos de plágio.