Embaixada da Rússia na Síria é atingida por bombas

Várias pessoas ficaram feridas ao serem atingidas pelas explosões, uma delas perto de um clube esportivo em Al Barada, e outra no distrito de Al Adawi

Moscou/Beirute – A Embaixada da Rússia em Damasco, a capital da Síria, foi atacada nesta terça-feira com disparos de morteiros, informou a agência “RIA Novosti”, que citou funcionários da delegação diplomática, que relataram que o ataque não deixou vítimas.

“Dois obuses de morteiro atingiram o recinto da Embaixada da Rússia em Damasco. Os funcionários da delegação não ficaram feridos”, disseram as fontes.

A agência também assinalou que, segundo testemunhas, vários projéteis caíram nas imediações do edifício diplomático, onde algumas pessoas participavam de uma concentração em apoio à intervenção aérea que a Rússia iniciou há mais de duas semanas para combater o Estado Islâmico.

Segundo essas testemunhas, várias pessoas ficaram feridas ao serem atingidas pelas explosões, uma delas perto de um clube esportivo no distrito de Al Barada, e outra no distrito de Al Adawi.

No final do setembro, a Embaixada russa já tinha sido alvo de outro ataque com obuses.

O Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH), por sua vez, informou que dois foguetes caíram hoje nos arredores da Embaixada da Rússia em Damasco, localizada no bairro central de Al Mazra.

Segundo o OSDH, o ataque coincidiu com a presença na região de um grupo denominado Partidários da Intervenção Rússia no país árabe.