Voos dos EUA para Paris são desviados após ameaças de bomba

Dois voos que saíram dos Estados Unidos com destino a Paris receberam ameças de bombas por telefone

Washington – A Air France desviou nesta terça-feira dois voos que decolaram dos Estados Unidos com destino a Paris após receber ameaças de bomba por telefone, informou a companhia aérea francesa.

Um dos voos tinha partido do aeroporto de Dulles, na Virgínia e próximo à capital Washington, e foi desviado para Halifax, no Canadá, onde os 262 passageiros e membros da tripulação foram evacuados.

O segundo voo, um Airbus A-380, tinha partido de Los Angeles, no litoral oeste, e foi desviado para Salt Lake City, em Utah, onde as 497 pessoas que estavam a bordo, entre passageiros e membros da tripulação, também foram retiradas da aeronave.

Os dois aviões aterrissaram sem problemas e sem que ocorresse qualquer tipo de dano.

A emissora “CNN” informou que o voo que tinha partido de Los Angeles, identificado com o número 65 pela Air France, recebeu a ameaça de bomba no momento da decolagem.

Pouco depois, o voo 55 que cobria a rota entre Dulles e o aeroporto Charles de Gaulle, em Paris, recebeu outra ameaça de bomba, mas, por enquanto, não se sabe se foi a mesma pessoa que fez a denúncia em ambos os casos.

“Vários corpos de segurança estão trabalhando para determinar a natureza das ameaças que causaram o desvio do voo 65”, disse à “CNN” o agente especial da divisão de Salt Lake City do FBI, Todd Palmer.

Em comunicado, a Air France informou que os dois voos foram alvo de “ameaças anônimas recebidas após suas respectivas decolagens”.

“Como medida de precaução e para realizar todas as verificações necessárias em matéria de segurança, a Air France, em aplicação das normas de segurança, decidiu solicitar a aterrissagem dos dois aviões”, indicou a companhia aérea.