Dólar R$ 3,27 -0,31%
Euro R$ 3,66 0,08%
SELIC 11,25% ao ano
Ibovespa 1,60% 62.662 pts
Pontos 62.662
Variação 1,60%
Maior Alta 9,53% JBSS3
Maior Baixa -1,42% EMBR3
Última atualização 23/05/2017 - 17:20 FONTE

Criança de 6 anos morre após ativar bomba no sul da Colômbia

Unidades da Polícia e do Exército permanecem na zona para estabelecer se há outros explosivos, supostamente abandonados por guerrilheiros das Farc

Bogotá – Um menor de seis anos morreu e outro ficou gravemente ferido após ativar acidentalmente uma bomba instalada no departamento do Huila, zona do sul da Colômbia que historicamente teve uma forte presença do grupo guerrilheiro Farc, informaram nesta terça-feira as autoridades.

As primeiras versões entregues pelo coronel Óscar Pinzón, comandante da Polícia do Huila, indicam que ontem duas crianças jogavam futebol quando a bola caiu em um cultivo de banana, situado na vereda Quebradón, do município de Algeciras.

Os menores entraram no local para buscar a bola e ativaram acidentalmente o artefato que está sendo analisado pelas autoridades para estabelecer se tratou de uma mina antipessoal.

Inicialmente as crianças foram levadas ao hospital local de Algeciras, onde o menino de seis anos morreu e o outro permanece em estado crítico.

O fato, que ocorreu no mesmo dia em que o governo nacional e as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) assinaram a paz em Cartagena, despertou o repúdio da comunidade.

Historicamente o departamento do Huila foi uma das regiões colombianas com maior presença das Farc, especialmente da coluna móvel Teófilo Forero, acusada de cometer vários sequestros e atentados terroristas.

Unidades da Polícia e do Exército permanecem na zona para estabelecer se há outros explosivos, supostamente abandonados por guerrilheiros das Farc.