Coreia do Norte exibe possível novo míssil de longo alcance

Na comemoração do 105º aniversário do nascimento do fundador do país, o regime desfilou em caminhões um novo tipo de projétil

Pyongyang – A Coreia do Norte mostrou neste sábado vários mísseis balísticos, entre eles um possível novo projétil de alcance intercontinental, no desfile militar organizado por causa do aniversário de seu fundador, que acontece em um momento de grande tensão com os Estados Unidos.

No evento que comemora o 105º aniversário do nascimento de Kim Il-sung, fundador do país, o regime fez desfilar pelo centro de Pyongyang sobre caminhões um tipo de projétil nunca antes mostrado em público e que poderia ser um novo míssil balístico intercontinental (ICBM) de combustível sólido.

Os especialistas na matéria estão analisando ainda as características deste novo projétil que, advertem, poderia ser falso, já que não é a primeira vez que o regime exibe em desfiles maquetes falsas de mísseis que está desenvolvendo.

Além de mostrar hoje mísseis de alcance médio Musudan e o misterioso e temido KN-08, que é disparado de plataforma móvel e que ainda não foi testado com sucesso, desfilaram na praça Kim Il-sung vários dos últimos desenvolvimentos do regime como o Pukguksong-1 e o Pukguksong-2, exibidos em público pela primeira vez.

O primeiro deles é um míssil balístico lançado de submarino (SLBM) e o segundo, um projétil de alcance médio que se lança de plataforma móvel e que foi testado pela primeira vez em fevereiro e em abril, teste que levou Washington a responder com o envio de um porta-aviões nuclear para a península da Coreia.