Conselho de Segurança da ONU fará reunião sobre Iraque hoje

Conselho de Segurança da ONU manterá uma reunião de emergência sobre a situação no Iraque na tarde de hoje

Nova York – O Conselho de Segurança da ONU manterá uma reunião de emergência sobre a situação no Iraque, informaram os diplomatas.

A reunião, a pedido da França, começará às 17H30 local (18H30 de Brasília) a portas fechadas.

A França pediu mais cedo essa reunião urgente do Conselho de Segurança da ONU depois que os jihadistas se apoderaram da maior cidade cristã do Iraque.

“A França está muito preocupada com o crescente avanço do EIIL (Estado Islâmico no Iraque e no Levante) no norte do Iraque, pela conquista de Qaraqosh, a maior cidade cristã do Iraque, e pelos abusos intoleráveis que são cometidos”, declarou o ministro das Relações Exteriores francês, Laurent Fabius.

“Diante da gravidade da situação (…) a França pede uma reunião de urgência do Conselho de Segurança, com o objetivo de que a comunidade internacional se mobilize para contrabalançar a ameaça terrorista no Iraque e fornecer ajuda e proteção às populações ameaçadas”, acrescentou.

Dezenas de milhares de pessoas fugiam nesta quinta-feira do norte do Iraque, onde os jihadistas do Estado Islâmico (EI, atual nome do EIIL) se apoderaram de Qaraqosh, a maior cidade cristã do país, indicou nesta quinta-feira o clero caldeu, que pede ajuda à comunidade internacional.

“Há 100.000 deslocados cristãos que fugiram, alguns a pé, em direção à região do Curdistão”, explicou nesta quinta-feira à AFP o patriarca caldeu, Louis Sako.

“É um desastre humanitário, as igrejas (das cidades que foram tomadas) estão ocupadas e as cruzes foram retiradas”, acrescentou.

Os jihadistas tomaram na quinta-feira Qaraqosh, a maior cidade cristã do Iraque, e outras zonas perto de Mossul (norte), segundo testemunhas e representantes religiosos.