Como seria o céu das cidades

Para mostrar o verdadeiro espetáculo natural que estamos perdendo, o fotógrafo Thierry Cohen recriou na série Darkened Cities como seria o céu das grandes cidades do mundo se simplesmente pudéssemos apagar todas suas luzes

São Paulo – Quem mora em cidade grande sabe bem como pode ser frustrante tentar enxergar estrelas no céu à noite. Isso acontece pelo excesso de iluminação artificial, responsável pela poluição luminosa, que ofusca a visão das pessoas, atrapalha o trabalho dos astrônomos e até afeta os animais noturnos.

Para mostrar o verdadeiro espetáculo natural que estamos perdendo, o fotógrafo Thierry Cohen recriou na série Darkened Cities como seria o céu das grandes cidades do mundo se simplesmente pudéssemos apagar todas suas luzes.

Primeiro, ele fotografou a área urbana, anotando o ângulo, horário e coordenadas usadas naquele momento. Partindo daí, ele fez uma série de cálculos para encontrar em regiões remotas, que não sofrem poluição luminosa, como desertos e planícies, o “mesmo” céu que não pôde ser observado na cidade. Dessa forma, Cohen conseguiu capturar o véu estrelado que faltava.

Para revelar a beleza do céu noturno das cidade do Rio e de São Paulo, por exemplo, o fotógrafo mirou o deserto de Atacama, no Chile. E para mostrar como seria o céu de NY no escuro, ele foi para o deserto de Black Rock, em Nevada. Já para Hong Kong, recorreu ao Saara Ocidental.