Combatentes curdos foram expostos a gás mostarda no Iraque

O porta-voz afirmou que a exposição à substância ocorreu durante confrontos no entorno da cidade de Makhmour

Bagdá – Vários membros das forças curdas do Iraque testaram positivo para gás mostarda, segundo um porta-voz, Jabar Yawar, após confrontos com o grupo Estado Islâmico no norte do país.

Yawar afirmou que amostras de sangue de combatentes curdos Peshmerga enviadas a Bagdá revelaram traços do gás tóxico.

O porta-voz afirmou que a exposição à substância ocorreu durante confrontos no entorno da cidade de Makhmour.

Segundo ele, as forças treinadas pela coalizão liderada pelos EUA que ajudam os iraquianos também tiveram testes positivos de sangue, na mesma área.

Yawar não disse quantos combatentes teriam sido expostos ao gás. Em agosto, uma graduada autoridade militar dos EUA afirmou que testes preliminares mostravam traços de gás mostarda em morteiros lançados pelo Estado Islâmico.