Colômbia apreende um recorde de 378 toneladas de cocaína em 2016

Os homicídios caíram para 12.252 no ano passado, afirmou ministro a jornalistas, quando o governo assinou um acordo de paz com as

As Forças Armadas da Colômbia apreenderam um recorde de 378,3 toneladas de cocaína em 2016, quase 50 por cento a mais do que no ano anterior, enquanto os assassinatos caíram em 4 por cento, disse o ministro da Defesa, Luis Carlos Villegas, nesta quarta-feira.

Os homicídios caíram para 12.252 no ano passado, afirmou Villegas a jornalistas, quando o governo assinou um acordo de paz com as marxistas Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia, as Farc. Os ataques contra infraestrutura também caíram.

A Colômbia, notória no passado por ser casa de cartéis de drogas violentos, é um dos principais produtores mundiais de cocaína. Segundo as Nações Unidas, o país pode produzir até 646 toneladas da droga por ano.

Tanto as guerrilhas de esquerda quantos os paramilitares de direitas encheram os seus cofres com dinheiro do tráfico.

“No combate contra o tráfico de drogas, há um trabalho de segurança mais eficiente e organizado, com mais ações nos nossos dois oceanos e mais inteligência fornecida para outros países”, declarou Villegas.

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s