Chávez diz que Obama “é um bom tipo” e Venezuela não ameaça

"Na verdade, nós não somos nenhuma ameaça para o governo dos Estados Unidos", disse o presidente venezuelano

Caracas – O presidente Hugo Chávez disse nesta sexta-feira que seu homólogo Barack Obama “é um bom tipo”, ao se referir à polêmica surgida nos Estados Unidos depois que o presidente americano afirmou que o venezuelano “não é um perigo” para seu país.

“Eu acredito que Barack Obama, tirando o fato de ser presidente, é um bom tipo, se você o isola de seu contexto, no pessoal”, disse Chávez em uma entrevista à televisão local evocando um encontro que ambos tiveram em Trinidad e Tobago na Cúpula das Américas de 2009.

“Ele me disse, teremos diferenças, mas nunca me vou interferir nos assuntos internos da Venezuela. Disse a ele ‘isso basta para mim’ e que ‘gostaria de retomar as relações com os Estados Unidos, com seu governo, mais ou menos como as levávamos” com o ex-presidente Bill Clinton, disse o presidente, que espera ser reeleito no próximo dia 7 de outubro.

“Na verdade, nós não somos nenhuma ameaça para o governo dos Estados Unidos”, acrescentou.

Obama defendeu em uma entrevista transmitida pelo canal América TV de Miami (sudeste dos EUA) sua política ao longo de três anos de presidência frente a Cuba castrista e o presidente venezuelano Hugo Chávez.

“Em geral, na minha opinião, o que o senhor Chávez fez nos últimos anos não representa um perigo para nossa segurança nacional”, disse Obama.

Os comentários foram alvo de críticas do candidato republicano à Casa Branca nas eleições de novembro, Mitt Romney, que acusou o presidente democrata de “diminuir a importância das ameaças de um regime que abertamente quer nos prejudicar”.