Bernie Sanders busca impulsionar campanha no oeste dos EUA

Sanders e Clinton, ex-secretária de Estado dos EUA, competem para representar o Partido Democrata na eleição presidencial de 8 de novembro

Três Estados norte-americanos realizavam neste sábado votações para nomeação democrata à presidência dos Estados Unidos, com Hillary Clinton tentando aumentar sua liderança na corrida para garantir a nomeação do partido.

Bernie Sanders tinha esperanças de conquistar vitórias em Washington, Alaska e Havaí. Embora poucas pesquisas de intenção de votos estejam disponíveis, todas as três disputas estavam sendo conduzidas como “caucus”, formato que favorece o senador do Estado de Vermont.

Enquanto Sanders luta para permanecer competitivo, Estados do oeste dos EUA tornaram-se necessários para o senador, que perdeu por grande diferença em disputas anteriores no Sul do país.

Sanders e Clinton, ex-secretária de Estado dos EUA, competem para representar o Partido Democrata na eleição presidencial de 8 de novembro.

Nenhum Estado realiza disputas de nomeação para os Republicanos neste sábado, uma disputa na qual Donald Trump mantém a liderança sobre os rivais Ted Cruz, senador pelo Texas, e John Kasich, governador de Ohio.

Clinton tem uma considerável vantagem em número de delegados em relação a Sanders, com 1.233 a 920. Apesar disso, Sanders prometeu ficar na corrida até a convenção de nomeação do partido, em julho.