Belarus condena 140 por manifestação contra o governo

Os manifestantes contrários ao regime do presidente Alexander Lukashenko foram dispersadas violentamente pela polícia no domingo

Minsk – Pelo menos 140 pessoas foram condenadas em Belarus por participação em manifestações contra o regime do presidente Alexander Lukashenko dispersadas violentamente pela polícia no domingo, informaram os movimentos de defesa dos direitos humanos.

Uma centena de militantes da oposição foram condenados em Minsk e 40 em outras cidades do país, segundo um balanço da AFP com base nas informações da organização Viasna de Minsk e de outras ONGs especializadas regionais.

Os manifestantes foram condenados a penas de prisão de entre dois e 15 dias. Outros não serão detidos, mas terão que pagar multas de 140 euros.