Atentado deixa ao menos 3 mortos em hotel na Somália

O grupo terrorista somali Al Shabab reivindicou a autoria do atentado após ameaçar intensificar os ataques no país

Mogadíscio – Pelo menos três pessoas morreram nesta segunda-feira e outras três ficaram feridas em um atentado com dois carros-bomba nas imediações de um hotel em Mogadíscio, a capital da Somália, do qual a Agência Efe foi testemunha.

O atentado aconteceu nas imediações do Hotel Peace, um lugar frequentado por estrangeiros, e muito próximo do aeroporto da capital, onde os terroristas detonaram dois carros-bomba, provocando a morte de três policiais e ferindo outros três civis, confirmou à Efe a polícia.

O grupo terrorista somali Al Shabab reivindicou a autoria do atentado após ameaçar recentemente intensificar os ataques no país durante a realização das eleições parlamentares, que ainda estão em andamento.

Os hotéis e restaurantes da capital costumam ser alvo do grupo terrorista e neles já morreram dezenas de civis.

Segundo um recente relatório da ONU, o Al Shabab continua tendo capacidade para realizar ataques em grande escala, tanto dentro como fora da Somália, e a situação de segurança no país africano “não melhorou”.

Nos últimos meses, os terroristas optaram por uma estratégia de confronto direto e lançaram vários ataques contra bases militares da missão da União Africana na Somália (AMISOM) matando centenas de soldados.

A milícia islamita luta para derrubar o governo federal e instaurar um Estado islâmico de corte wahhabita na Somália, onde o grupo controla grandes extensões de território no sul e no centro do país, apesar de ter sofrido grandes perdas no último ano.