Ataque suicida mata dois soldados do Mali no norte do país

Ataque ocorreu quando os soldados seguiram um suspeito em uma motocicleta que estacionou ao lado de um veículo que explodiu

Gao- Dois soldados do Mali e pelo menos dois militantes islâmicos foram mortos neste sábado em um ataque suicida contra uma unidade do exército no norte do país, disse à Reuters um alto oficial do Mali.

O coronel Kassim Goita, um alto comandante das tropas do Mali, disse, no norte da cidade de Gao, que o ataque ocorreu quando os soldados seguiram um suspeito em uma motocicleta que estacionou ao lado de um veículo que explodiu quando eles se aproximaram.

Goita disse que oito soldados foram feridos e que os confrontos estavam em curso na área em torno de uma aldeia chamada Hamakouladji, a 45 quilômetros ao norte de Gao.

Gao foi a primeira grande cidade libertada do controle islâmico e é o centro de operações militares francesas e do Mali.

Mas a cidade riberinha Hamakouladji tem suportado o peso da guerrilha à guerra travada por militantes desde que eles se espalharam no deserto e nas montanhas do Mali. (Reportagem de Cheick Diouara)