Ataque de grupo armado deixa ao menos 8 policiais mortos no Egito

No tiroteio também morreram vários integrantes do grupo armado, embora a fonte não tenha precisado o número de vítimas entre os atiradores

Cairo – Pelo menos oito policiais egípcios morreram e outros três ficaram feridos nesta segunda-feira em um ataque cometido por um grupo de “terroristas” contra um posto de controle no sul do país, informou à Agência Efe uma fonte de segurança.

A fonte explicou que o atentado ocorreu em um posto policial perto da cidade de Al Naqab, na província de Al Wadi al Gadid, no sul do Egito.

No tiroteio também morreram vários integrantes do grupo armado, embora a fonte não tenha precisado o número de vítimas entre os atiradores.

Além disso, a fonte acrescentou que as forças de segurança egípcias isolaram a área do ataque para buscar os autores do atentado, e afirmou que o Ministério do Interior informará posteriormente de mais detalhes.

Na semana passada, um duplo atentado contra dois postos de controle da polícia na Península do Sinai causou a morte de nove pessoas, segundo o Ministério do Interior.

As forças de segurança são alvo de recorrentes atentados terroristas, que são especialmente virulentos na Península do Sinai, onde têm sua base vários grupos jihadistas, entre eles o braço egípcio do Estado Islâmico (EI).