Assessora de Trump diz que ataques hackers não afetaram eleições

Em entrevista à rede americana de TV CNN, Kellyane Conway afirmou que "qualquer tentativa de influenciar" a eleição fracassou

São Paulo – A assessora do presidente eleito Donald Trump, Kellyane Conway, reconheceu que “a Rússia, a China e outros países” tentaram invadir o sistema de informações do governo americano e de grupos políticos. Da mesma forma, Conway não criticou a Rússia diretamente e disse que os ataques hackers não influenciaram o resultado das eleições presidenciais americanas. “Nós não precisamos do Wikileaks para convencer o povo americano de que eles não gostam da Hillary“, afirmou.

Em entrevista à rede de TV americana CNN, Conway disse, ainda, que “qualquer tentativa, qualquer aspiração de influenciar a nossa eleição fracassou. Isso eles não conseguiram fazer”.

A assessora comparou os e-mails vazados de pessoas ligadas a Hillary com as acusações de políticos do Partido Republicano contra o seu próprio candidato, Donald Trump. Segundo Conway, o governo Obama e os democratas estão reclamando sobre os ataques hackers da Rússia porque Hillary perdeu a eleição. “Tudo mudou quando o resultado da eleição não foi o que eles tinham previsto”, afirmou.