Assad diz que reconquista de Aleppo é um momento histórico

Uma operação para retirar milhares de civis e combatentes do último bastião rebelde de Aleppo teve início nesta quinta-feira

Beirute – O presidente da Síria, Bashar al-Assad, disse nesta quinta-feira que o mundo será diferente depois do que chamou de “libertação de Aleppo”, descrevendo-a como um momento histórico.

“O que está acontecendo hoje é a escrita de uma história redigida por cada cidadão sírio. A escrita não começou hoje, começou seis anos atrás, quando a crise e a guerra contra a Síria começaram”, disse Assad em uma declaração em vídeo publicada na conta de Twitter da Presidência síria.

Uma operação para retirar milhares de civis e combatentes do último bastião rebelde de Aleppo teve início nesta quinta-feira, parte de um acordo de cessar-fogo que irá pôr fim a anos de combates na cidade e marcar uma grande vitória para Assad.

Falando sobre os acontecimentos em Aleppo, Assad aludiu a grandes momentos da história, como o nascimento de Jesus Cristo, as revelações ao profeta Maomé e a queda da União Soviética.

“A história não é a mesma antes e depois… acho que, depois de libertar Aleppo, iremos dizer que não somente a situação síria, mas a situação regional e internacional, é diferente”, afirmou.

“Esta história que está sendo feita agora é maior do que a palavra ‘parabéns’. Todos estão dizendo parabéns agora.”