António Guterres jura cargo como novo secretário-geral da ONU

O português jurou "exercer com toda a lealdade, discrição e consciência as funções" a ele atribuídas

Nações Unidas – O português António Guterres jurou nesta segunda-feira o cargo como novo secretário-geral das Nações Unidas, posto no qual substituirá o sul-coreano Ban Ki-moon a partir do dia 1º de janeiro de 2017.

“Eu, António Guterres, juro solenemente exercer com toda a lealdade, discrição e consciência as funções que a mim atribuídas como secretário-geral das Nações Unidas”, disse em inglês o ex-primeiro-ministro de Portugal diante do plenário da Assembleia Geral da entidade.

Guterres, que entre 2005 e 2015 trabalhou como Alto Comissariado da ONU para os Refugiados, foi eleito em outubro pelos 193 Estados-membros.