São Paulo - As manifestações na Ucrânia contra o governo já se arrastam desde novembro. Mas foi ontem (18) que elas culminaram em uma violência desmedida: 25 pessoas morreram e mais de 240 se feriram.

Barricadas e carros foram incendiados e as chamas tomaram conta das ruas de Kiev. Enquanto isso, a batalha entre polícia e civis se intensificou. De um lado, armaduras e capacetes. Do outro, paus, pedras e coquetéis molotov.

Os ucranianos querem a renúncia do governo. Para eles, sua aproximação com Vladimir Putin é uma forma de se submeter historicamente, mais uma vez, às regras russas.

Os ucranianos "querem ser europeus", como dizem os próprios manifestantes. Desde que o governo interrompeu negociações com a União Europeia (por pressão russa), o povo saiu às ruas.

Veja a seguir 20 fotos impressionantes da violência na Ucrânia: 

Tópicos: Europa, Protestos, Protestos no mundo, Rússia, Ásia, Ucrânia, Violência política