Tudo o que você precisa saber antes de o mercado abrir

Programas de isenção tributária à indústria começam a vencer no ano que vem e não devem ser renovados

São Paulo – Leia as principais notícias desta quarta-feira (11) para começar o dia bem informado:

As quentes do dia

Indústrias podem perder R$ 3 bilhões em incentivos fiscais. Ao todo, 15 programas que garantem as isenções vencem até o ano que vem, e a orientação da Fazenda, segundo a Folha, é não renovar os benefícios.

O Ibama está concedendo mais licenças ambientais para petróleo e gás. Em 2016, foram emitidas oito permissões, contra apenas três em 2015.

Com mudança de regras, o BNDES poderá vender títulos no mercado. O governo avalia alterar a fórmula de cálculo da Taxa de Juro de Longo Prazo (TJLP), usada em empréstimos pelo banco de fomento.

State Grid pede agilidade em licença para Belo Monte. A companhia chinesa procurou o ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho, para tentar acelerar o licenciamento ambiental do projeto.

Obama faz discurso de despedida da Casa Branca em Chicago. O presidente citou as conquistas de seu governo, destacou a persistência do racismo e os desafios futuros. Terminou o discurso com o mote da campanha: “Sim, nós podemos. Sim, nós fizemos”.

A Bolsa de Tóquio fechou em alta antes da primeira entrevista coletiva de Donald Trump. O Nikkei subiu 0,33%, a 19.364,67 pontos. A Bolsa da China, por sua vez, caiu 0,79%, a 3.136,75 pontos; a de Hong Kong teve alta de 0,84%, a 22.935,35 pontos.

Política e mundo

Presidentes de Assembleias Legislativas estaduais se eternizam nos cargos. No Piauí, o deputado Themístocles Filho (PMDB) está na chefia da casa há 12 anos. Outros acumulam dez anos de presidência.

A Rússia teria guardado dados sobre Donald Trump. Segundo a CNN, as agências de inteligência dos EUA teriam informado o presidente eleito que espiões russos acreditam ter dados financeiros comprometedores contra ele. A veracidade das alegações não foi comprovada.

EUA indiciam parentes do Ban Ki-Moon em caso de corrupção. O irmão do ex-líder das Nações Unidas e seu filho foram acusados num indiciamento aberto nesta terça em corte federal de Manhattan.

Enquanto você desligou…

OGX fechará acordo para converter dívidas em ações da companhia. O valor somado das dívidas, no dia 31 de dezembro de 2016, era de R$ 2,443 bilhões.

Braskem vende subsidiária por 550 milhões de reais. A GTM Holdings, distribuidora de produtos químicos controlada pelo fundo de private equity Advent, fechou a compra da quantiQ, que atua no mesmo setor e pertencia à Braskem.

Usiminas e Sumitomo não chegam a acordo sobre caixa da Musa. Apesar da Usiminas ser acionista majoritária, o uso de 700 milhões de reais do caixa da mineradora precisa da aprovação do conglomerado japonês, que rejeitou a operação.

República Dominicana designa comissão para investigar Odebrecht. A empresa atualmente é investigada pelas autoridades sobre uma série de propinas no valor de US$ 92 milhões que ocorreram no país ao longo de 20 anos.

Economia global deve crescer em 2017, analisa Banco Mundial. Com a ascensão das commodities e a leve recuperação econômica do Brasil, o órgão prevê um crescimento do PIB global de 2,7 por cento neste ano.

Brasil terá crescimento abaixo da média mundial em 2017, diz BM. A estimativa é de crescimento de 0,5% para o Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro.

Agenda do dia

Nesta quarta, o Copom tem seu segundo dia de reunião. Também sai hoje o fluxo cambial e o IPCA de dezembro, assim como o IPC da Fipe. Nos Estados Unidos, saem os estoques de petróleo.