Tudo o que você precisa saber antes de o mercado abrir

Delatores da Odebrecht confessaram pagamento de R$ 2 milhões para a campanha de Geraldo Alckmin em São Paulo

São Paulo – Leia as principais notícias desta sexta-feira (9) para começar o dia bem informado:

As quentes do dia

Odebrecht delata caixa 2 em dinheiro para campanha de Alckmin. Segundo a Folha de S.Paulo, foram entregues R$ 2 milhões ao irmão da primeira-dama, Adhemar Ribeiro.

China ganha status de economia de mercado na segunda-feira. A indústria brasileira pode sofrer com a medida, segundo o Valor, já que, até agora, os membros da OMC puderam pedir investigação sobre prática de dumping com base nos preços internacionais. Agora, os próprios preços da China vão entrar na conta, distorcidos por subsídios estatais.

O governo Temer estuda liberar parte do FGTS para o trabalhador pagar dívidas. Segundo a Folha, o governo também avalia liberar recursos do cumpulsório dos bancos para refinanciamento das dívidas.

A Petrobras continua vendendo ativos, apesar da decisão do TCU. Estão em fase avançada de negociações a venda de participação no campo de Saint Malo, no Golfo do México, e de outros três campos nacionais, de acordo com o Valor Econômico.

Com a crise econômica, as viagens corporativas perderam espaço no faturamento das aéreas. Até setembro, este tipo de viagem já tinha caído 10% em relação ao ano passado. Historicamente, esta era a principal fonte de renda das empresas.

Política e mundo

Pressionado pelo Centrão, governo desiste de nomear tucano Antonio Imbassahy. Como precisa aprovar no Congresso propostas que exigem bastante apoio, como a reforma da Previdência, o governo avaliou que era melhor negociar com mais calma a escolha do novo titular da pasta.

Renan desiste de colocar abuso de autoridade em votação. Principal defensor da proposta, Renan havia incluído o projeto no calendário da Casa há cerca de um mês com previsão de que fosse votado na terça-feira, 6.

Senado abre 3ª sessão do dia e completa prazo para PEC do teto. Em uma situação incomum, os senadores abriram três sessões em menos de seis horas e completaram o prazo regimental para votar o principal projeto do governo Temer.

Parlamento aprova impeachment e presidente da Coreia do Sul é afastada. Para que ela seja destituída, o Tribunal Constitucional precisa ratificar a decisão, o que pode levar até 180 dias. O comando do país será entregue provisoriamente ao primeiro-ministro, Hwang Kyo-ahn.

Enquanto você desligou…

Abinee vai cobrar da Aneel solução para caso da Abengoa. Por problemas financeiros, a Abengoa, que entrou com pedido de recuperação judicial, interrompeu todas as suas obras no Brasil. 

O Grupo Camargo Corrêa tenta vender participação minoritária na Loma Negra. A empresa é a maior produtora de cimento da Argentina, e o grupo já cogita vender fatia na empresa há alguns anos.

Agenda do dia

No Brasil, sexta-feira é dia da primeira prévia do IGP-M de dezembro e divulgação pelo IBGE do IPCA de novembro. No exterior, saem os dados de confiança do consumidor dos Estados Unidos e a balança comercial do Reino Unido e Alemanha.

 

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Aldo Oliveira

    ??????????????????

  2. Como os próprios delatores relataram, eles nunca estiveram com Alckmin para tratar de doações ou propinas. Ele nunca participou de nenhuma negociação. Todas as contribuições recebidas em campanhas eleitorais disputadas por Alckmin foram devidamente contabilizadas e informadas à Justiça Eleitoral pelos respectivos comitês financeiros cujos membros eram os únicos autorizados a falar em nome do candidato. Definitivamente, não há nada contra Alckmin.

  3. leandro cordeiro cheffer

    Mas como tem gente burra nesse Brasil, estão tomando no tóba e estão defendendo os que roubam.