Rendimentos sobem em leilão de dívida de curto prazo na França

O Tesouro francês emitiu 7,57 bilhões de euros em três tipos de títulos. A demanda total foi pouco maior que 19 bilhões

Paris – Os rendimentos subiram em um leilão de dívida de curto prazo realizado pela França nesta segunda-feira, apesar da forte demanda, no mais recente teste do apetite do investidor pela segunda maior economia da zona do euro.

O Tesouro francês emitiu 7,57 bilhões de euros em três tipos de títulos, no topo da meta. A demanda total foi pouco maior que 19 bilhões.

O rendimento do título de 13 semanas ficou em 0,166 por cento, contra 0,023 por cento no leilão anterior, informou a Agence France Tresor, que gerencia a dívida do país.

O juro pago no papel de 26 semanas ficou em 0,286 por cento, contra 0,074 por cento antes, enquanto os títulos de 52 semanas ficaram em 0,454 por cento, marcando forte alta em relação ao juro de 0,136 por cento de antes.

Na semana passada, a França atraiu sólida demanda no primeiro leilão de bônus de longo prazo de 2012, em que os rendimentos subiram ligeiramente apesar do temor de que o país possa perder o rating “AAA”.