Dólar R$ 3,18 0,40%
Euro R$ 3,72 0,17%
SELIC 9,25% ao ano
Ibovespa 0,52% 70.377 pts
Pontos 70.377
Variação 0,52%
Maior Alta 3,95% CMIG4
Maior Baixa -1,14% SUZB5
Última atualização 23/08/2017 - 12:27 FONTE

Petróleo recua com estoque nos EUA e produção no Iraque

Apesar da insurgência de militantes sunitas no Iraque, a produção de petróleo do país ainda não foi afetada

São Paulo – Os contratos futuros de petróleo negociados na New York Mercantile Exchange (Nymex) fecharam em leve baixa nesta sexta-feira, 27, e acumularam pela segunda semana consecutiva queda nos preços.

Analistas atribuíram a fraqueza aos estoques maiores que os esperados nos EUA e às expectativas de que a violência no Iraque não interromperá o fornecimento de petróleo do país.

O contrato do petróleo para agosto recuou US$ 0,10 (0,09%), fechando a US$ 105,74 por barril.

Na semana, os preços recuaram 1%. O contrato do Brent para o mesmo mês, por sua vez, teve alta de US$ 0,09 (0,1%), fechando a US$ 113,30 por barril na ICE.

Apesar da insurgência de militantes sunitas no Iraque, a produção de petróleo do país ainda não foi afetada.

O parlamento iraquiano vai se reunir na terça-feira para começar a eleger um novo governo.

“O mercado de petróleo parece estar gradualmente tirando do preço o fator medo associado ao Iraque”, disse o Commerzbank, em nota.

No entanto, segundo o banco, o petróleo Brent deve continuar acima de US$ 110 por barril enquanto houver possibilidade de problemas na produção da commodity no Iraque.

O mercado americano também assiste à escalada dos seus estoques, que subiram inesperadamente na semana passada.

Com informações da Dow Jones Newswires.