Aguarde...

Ações | 02/01/2012 20:32

Controladora da Gradiente quer fazer OPA e voltar ao mercado

Empresa irá pedir no primeiro trimestre deste ano um registro de companhia aberta à CVM, antes de tentar listar as ações Novo Mercado da BM&FBovespa

Divulgação

Fábrica da Gradiente

Fábrica da Gradiente: R$ 100 milhões vai ajudar na reestruturação da companhia

São Paulo - A IGB Eletrônica, nova denominação da marca Gradiente, anunciou nesta segunda-feira um plano com o qual pretende levantar a empresa, que está mergulhada em dívidas.

A Gradiente, que já foi a maior fabricante brasileira de eletroeletrônicos, entrou em uma grave crise financeira em 2007, quando paralisou duas fábricas e as vendas no mercado. A companhia lançou um plano de reestruturação em 2008 e o processo de recuperação extrajudicial foi aprovado em 2010.

Por meio de fato relevante, a IGB informou que os acionistas controladores irão transferir à HAG S.A., empresa não operacional, todas suas ações, tornando a IGB controlada da HAG.

Além disso, a HAG pedirá no primeiro trimestre deste ano um registro de companhia aberta à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), antes de tentar listar as ações Novo Mercado da BM&FBovespa.

Após a entrada no Novo Mercado, a HAG fará um pedido de oferta pública de ações, comprando as ações da IGB no mercado, para que a base acionária migre para a HAG e participe indiretamente da Companhia Brasileira de Tecnologia Digital (CBTD), arrendatária da marca Gradiente.

Comentários (0)  

Editora Abril

Copyright © Editora Abril - Todos os direitos reservados