São Paulo - O diretor das áreas financeiras e de administração, e de operações indiretas do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Maurício Borges Lemos, disse que o banco de fomento deve captar mais de R$ 1 bilhão no mercado doméstico em 2014, o qual não acessava desde 2012.

A captação será para complementar o funding da instituição diante as necessidades de desembolso, as quais, segundo ele, serão bem inferiores aos R$ 190 bilhões projetados para 2013.

O executivo acrescentou que o BNDES estuda a emissão, além de debêntures, de letras financeiras e citou ainda o mercado externo como alternativa. Lemos não fez previsão sobre quando as emissões ocorreriam, mas afirmou que os acordos estão sendo discutidos com o Tesouro.

"Disso dependerá o cronograma das captações, mas essas alternativas serão necessárias para complementar o funding, já que é sabido que o Tesouro irá reduzir os aportes", disse.

Tópicos: Bancos, Finanças, BNDES, Debêntures, Mercado financeiro