São Paulo - Confira as principais novidades desta quinta-feira (14):

1- Vendas do Casino superam expectativas no 4º tri. A varejista francesa Casino, controladora do Grupo Pão de Açúcar no Brasil, divulgou nesta quinta-feira vendas acima das expectativas, com a recuperação de seu mercado doméstico ganhando força graças à redução de preços promovida anteriormente, e manteve suas projeções para melhor lucratividade na França.

2 - BTG confirma negociação com CNP Assurances sobre Pan Seguros. O BTG Pactual confirmou que entrou em negociações exclusivas com o grupo segurador francês CNP Assurances para a venda de toda a sua participação na Pan Seguros e na Pan Corretora, conforme comunicado divulgado na noite de quarta-feira, em resposta a questionamento da Comissão de Valores Mobiliários.

3 - Eletrosul não deve aderir a repactuação em contratação livre. A Eletrobras informou que suas controladas Eletrosul e Furnas optaram por aderir à repactuação do risco hidrológico de geração de energia elétrica para usinas contratadas no Ambiente de Contratação Regulada, não aderindo à repactuação para o Ambiente de Contratação Livre, de acordo com comunicado divulgado na noite de quarta-feira.

4 - As 40 maiores exportadoras do Brasil em 2015. As exportações brasileiras somaram 191,13 bilhões de reais em 2015, uma queda de 15,09% ante o ano anterior.

5 - Empresa de bitcoins compra publicação da indústria CoinDesk. A Digital Currency Group, empresa focada em investir e desenvolver negócios que lidam com bitcoins e outras criptomoedas, adquiriu a publicação da indústria CoinDesk, disse a empresa em declaração nesta quarta-feira.

6 - PIB da Alemanha cresceu 1,7% em 2015. O Produto Interno Bruto (PIB) da Alemanha, maior economia da Europa, cresceu 1,7% em 2015, um pouco mais que no ano anterior, de acordo com primeira estimativa divulgada pela agência federal de estatísticas Destatis.

7 - Dilma sanciona com vetos Plano Plurianual de 2016-2019. A presidente Dilma Rousseff sancionou com vetos o Plano Plurianual (PPA) de 2016-2019 que havia sido aprovado pelo Congresso Nacional em meados de dezembro, de acordo com o Diário Oficial da União desta quinta-feira.

8 - Crescimento da China deve desacelerar para 6,5% em 2016. O crescimento econômico da China deve desacelerar para 6,5 por cento em 2016 ante os 6,9 por cento projetados para 2015, levando o governo a afrouxar mais a política monetária, mostrou pesquisa da Reuters divulgada nesta quinta-feira.

9 - Governo argentino espera inflação de um dígito para 2019. O governo da Argentina está comprometido em fazer com que a inflação seja neste ano de 20% a 25% e diminua progressivamente até chegar a um dígito em 2019, anunciou nesta quarta-feira o ministro de Fazenda e Finanças, Alfonso Prat-Gay.

10 - Cervejeiras planejam vender para a desconfiada geração Y.  As maiores empresas cervejeiras dos EUA querem que mais jovens comprem seus produtos, mas sem que isso pareça óbvio demais. A Anheuser-Busch InBev e a MillerCoors -- fabricantes da Bud Light e da Coors Light, as marcas favoritas dos EUA -- viram sua popularidade cair lentamente na última década.

Tópicos: Alemanha, Europa, Países ricos, Argentina, América Latina, Empresas, BTG Pactual, Holdings, Empresas abertas, Bancos de investimentos, Casino, Comércio, Cerveja, Bebidas alcoólicas, Ásia, China, Dilma Rousseff, Personalidades, Políticos, Políticos brasileiros, PT, Política no Brasil, Eletrobras, Estatais brasileiras, Energia elétrica, Empresas estatais, Serviços, Eletrosul, Governo Dilma, PIB, Indicadores