Netflix vive drama na bolsa americana após resultado tímido

Ações da Netflix chegaram a cair 16% nesta terça-feira. Companhia perde, ao menos, 6 bilhões de dólares em valor de mercado

São Paulo — A semana não é das melhores para a Netflix. Ontem, a companhia norte-americana anunciou que os resultados do 2° trimestre ficaram bem aquém do esperado. Os investidores não perdoaram.

Durante esta terça-feira, as ações da empresa chegaram a cair 16%, o que fez com a que empresa perdesse, ao menos, 6 bilhões de dólares em valor de mercado. Por volta das 14h20, os papéis eram negociados a 85,38 dólares. 

O número que decepcionou o mercado foi o de novos usuários. Analistas esperavam que, ao menos, 2,1 milhões de pessoas assinassem o serviço de streaming no 2° trimestre. Segundo a empresa, foram conquistados 1,52 milhão de assinantes no período. 

Já nos Estados Unidos, a estimativa era que a Netflix ganhasse 532 mil novos clientes no mesmo período. A expectativa também não se concretizou: cerca de 160 mil pessoas assinaram o serviço no país.

O desempenho mais tímido — justificado pelo aumento do valor do serviço — foi visto por analistas como uma dificuldade pontual e que, dificilmente, afetará os planos da empresa no longo prazo. Alguns deles, no entanto, acreditam que o 3° trimestre poderá ser não menos dramático, já que a empresa terá que disputar a audiência com os Jogos Olímpicos do Rio

A receita da companhia — autora de produções como “House of Cards” e “Narcos” — foi de 1,97 bilhão de dólares no trimestre.