Moody’s eleva nota de crédito da Espanha em um nível a Baa2

A agência Moody's destacou que governo espanhol se financia atualmente a taxas mais baixas que durante piores tempos da crise da dívida na zona do euro

A agência de classificação financeira Moody’s elevou nesta sexta-feira a nota de crédito a longo prazo da Espanha a Baa2, e a acompanhou de uma perspectiva positiva, o que sugere que pode voltar a aumentá-la.

A agência elogiou as reformas estruturais iniciadas por Madri, em particular a do mercado de trabalho, para fazer com que a Espanha volte a ser um país competitivo.

Também destacou a reforma do sistema público de pensões e do sistema financeiro.

A Espanha realizou reformas que tiveram resultados melhores que o esperado no reequilíbrio de sua economia, afetada por uma severa crise desde 2008, assinalou a agência.

“Estes esforços apoiam a ideia de um crescimento a médio prazo mais sólido e duradouro, e de uma melhoria nas contas públicas”.

A Moody’s destacou que o governo espanhol se financia atualmente a taxas mais baixas que durante os piores tempos da crise da dívida na zona do euro.

Após um ano de 2012 marcado por fortes tensões nos mercados, a quarta economia da zona do euro conhece certa tranquilidade há alguns meses, graças em parte à ajuda europeia de 41,3 bilhões de dólares ao seu sistema financeiro.