Dólar R$ 3,15 -1,03%
Euro R$ 3,70 0,06%
SELIC 9,25% ao ano
Ibovespa 1,09% 68.715 pts
Pontos 68.715
Variação 1,09%
Maior Alta 4,27% BBSE3
Maior Baixa -2,04% JBSS3
Última atualização 18/08/2017 - 17:20 FONTE

Dow Jones fecha em alta de 0,17%

Nova York – O índice Dow Jones Industrial, o principal de Wall Street, fechou nesta quarta-feira em alta de 0,17%, graças aos dados de vendas das grandes montadoras de automóveis dos Estados Unidos.

Esse indicador, que reúne 30 das maiores empresas americanas, somou 21,04 pontos, para 12.418,42. Já o índice seletivo S&P 500 avançou 0,02%, para 1.277,30 pontos, e o indicador da bolsa eletrônica, a Nasdaq, seguiu tendência oposta e recuou 0,01%, fechando aos 2.648,36.

O pregão nova-iorquino, que passou boa parte de sua duração em baixa, recuperou-se na reta final apoiado pelo aumento dos pedidos às fábricas dos EUA em novembro e pelos dados sobre vendas relativas a 2011 de General Motors, Ford e Chrysler.

A GM, maior montadora americana, registrou um aumento de suas vendas de 13.7% em 2011, para 2,5 milhões de automóveis. Já a Ford vendeu 11% a mais (2,15 milhões) que no ano anterior, e a Chrysler registrou um avanço recorde de 26%, para 1,37 milhão dfe unidades.

Esses dados motivaram as compras em Wall Street, que deixou em um segundo plano as preocupações pela crise de dívida na zona do euro e pelo desabamento dos títulos da Kodak, que fecharam em queda de 28,19% depois que o jornal ‘The Wall Street Journal’ publicou que a companhia de produtos e serviços fotográficos vai declarar moratória.

Isso ocorreu depois que a Bolsa de Nova York advertiu a empresa que suas ações podem deixar de ser cotadas no pregão nova-iorquino se ela não conseguir nos próximos seis meses que seus títulos fechem acima de um dólar, como requer esse mercado.

No índice Dow Jones, dois terços de seus componentes fecharam em alta, liderados pela produtora de alumínio Alcoa (2,38%) e as gigantes de tecnologia Microsoft (2,37%), Intel (2,32%) e Cisco (1,93%).

Mais leve foi a alta da companhia do setor aeroespacial Boeing (0,15%), que hoje anunciou que fechará no final de 2013 sua fábrica em Wichita, centrada na manutenção de aviação militar e que atualmente tem mais de 2 mil funcionários, o que atribuiu à redução de despesas em Defesa do governo americano.

As quedas mais significativas no Dow Jones foram da operadora de telefonia Verizon (-1,31%) e do conglomerado Wal-Mart (-1,03%).

Na Nasdaq, as ações do Yahoo! caíram 3,1% no mesmo dia em que designou como seu novo executivo-chefe o presidente da divisão PayPal do eBay, Scott Thompson, quase quatro meses após ter despedido Carol Bartz.

Em outros mercados, o preço do petróleo subiu 0,25%, para US$ 103,22 por barril, o ouro subiu a US$ 1.612,7 a onça, a moeda americana se valorizava frente ao euro (que era cotado a US$ 1,2942), e a rentabilidade da dívida pública americana a 10 anos avançava para 1,99%.