CPFL aprova emissão de debêntures para captar R$ 620 milhões

A remuneração oferecida aos investidores será correspondente a 114,50% das taxas médias diárias dos Depósitos Interfinanceiros

São Paulo – O Conselho de Administração da CPFL Energia aprovou a 5ª emissão de debêntures da companhia, não conversíveis em ações, no valor total de R$ 620 milhões.

A emissão será realizada em série única e com esforços restritos de colocação. Segundo a companhia, os recursos captados serão destinados para a aquisição de participação acionária, direta ou indiretamente, da AES Sul Distribuidora Gaúcha de Energia.

Serão 62.000 debêntures com valor unitário de R$ 10 mil. Os papéis terão vencimento de quatro anos a partir da data de emissão, que foi fixada em 20 de outubro.

Ou seja, as debêntures vencem em 20 de outubro de 2020. A remuneração oferecida aos investidores será correspondente a 114,50% das taxas médias diárias dos Depósitos Interfinanceiros (DI).

A remuneração será paga semestralmente a partir da data de emissão, com o primeiro pagamento marcado para 20 de abril de 2017. Já o valor nominal será amortizado em duas parcelas anuais, em 20 de outubro de 2019 e na data do vencimento dos papéis.