Dólar R$ 3,27 -0,54%
Euro R$ 3,65 0,07%
SELIC 11,25% ao ano
Ibovespa 1,36% 64.085 pts
Pontos 64.085
Variação 1,36%
Maior Alta 4,89% RADL3
Maior Baixa -6,09% JBSS3
Última atualização 26/05/2017 - 17:20 FONTE

Bolsas da China encerraram terceira semana consecutiva em queda

Índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, recuou 0,85 por cento

Xangai / Cingapura – Os mercados da China encerraram a semana em queda, com o índice CSI300 atingindo a mínima de fechamento de dois meses e encerrando sua terceira semana consecutiva de quedas, com preocupações de supervisão regulatória mais rigorosa pressionando as corretoras e as seguradoras.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, recuou 0,85 por cento, para o menor nível desde meados de outubro, enquanto o índice de Xangai teve queda de 0,94 por cento.

As corretoras e as seguradoras caíram, em meio a sinais de regulação mais rigorosa nos setores, potencialmente prejudicando suas fontes de receita.

A mídia local informou que os reguladores vão intensificar a supervisão sobre os produtos de seguros online, bem como os investimentos alternativos das corretoras, sendo este o mais recente esforço para conter os riscos financeiros.

O índice MSCI recuava um dia moderado nesta sexta-feira, depois que Wall Street teve uma pausa nas altas desde a eleição presidencial dos Estados Unidos.

O índice MSCI, que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão, tinha variação negativa de 0,43 por cento às 7:20 (horário de Brasília), mínima de cinco meses. Ele caminhava para queda acumulada de 1,8 por cento em sua segunda semana consecutiva de perdas.