Bolsas da China avançam com promessa de abertura econômica

Índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, avançou 0,55 por cento

Xangai / Cingapura – As ações relacionadas a indústria e ao setor de matérias-primas impulsionaram os mercados acionários da China nesta quinta-feira, com alguns analistas dizendo que elas foram sustentadas pela expectativa de que haja mudanças significativas para abrir mais a economia a investidores estrangeiros.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, avançou 0,55 por cento, enquanto o índice de Xangai teve alta de 0,68 por cento.

Na quarta-feira, o Gabinete da China disse que o país se tornará mais aberto para investidores globais, citando setores de fabricação de veículos com novas formas de energia, design de navios, manutenção de aeronaves e transporte ferroviário de passageiros. Não foram fornecidos detalhes.

“As medidas para aliviar as restrições ao investimento estrangeiro vieram depois que os Estados Unidos anunciaram uma investigação sobre as práticas de propriedade intelectual da China, e a perspectiva de elevar o investimento estrangeiro está tendo um efeito significativo no mercado”, disse o analista da Southwest Securities Zhang Gang.

O índice MSCI também subia nesta quinta-feira, uma vez que as tensões entre os Estados Unidos e a Coreia do Norte mostravam alívio.

O índice MSCI, que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão, tinha alta de 0,35 por cento às 7:38 (horário de Brasília).

Já o índice Nikkei do Japão caiu 0,14 por cento, pressionado pelo iene forte na medida que o dólar se enfraqueceu, ignorando os dados que mostram que as exportações do país avançaram pelo oitavo mês consecutivo em julho.

. Em Tóquio, o índice Nikkei recuou 0,14 por cento, a 19.702 pontos.

. Em Hong Kong, o índice HANG SENG caiu 0,24 por cento, a 27.344 pontos.

. Em Xangai, o índice SSEC ganhou 0,68 por cento, a 3.268 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, avançou 0,55 por cento, a 3.721 pontos.

. Em Seul, o índice KOSPI teve valorização de 0,57 por cento, a 2.361 pontos.

. Em Taiwan, o índice TAIEX registrou alta de 0,77 por cento, a 10.369 pontos.

. Em Cingapura, o índice STRAITS TIMES desvalorizou-se 0,31 por cento, a 3.268 pontos.

. Em Sydney o índice S&P/ASX 200 recuou 0,10 por cento, a 5.779 pontos.