10 novidades sobre o mercado que você precisa saber

A Anatel divulgou na noite de quinta que a dívida total da Oi com a Agência chega a R$ 20,2 bilhões

São Paulo – Confira as principais novidades de mercados desta sexta-feira (14):

Anatel diz que total de dívidas da Oi com a agência é de R$ 20 bilhões

A Anatel divulgou na noite da última quinta-feira que a dívida total da Oi com a Agência chega a R$ 20,2 bilhões. Esse montante vem de multas administrativas, créditos tributários e dívidas de outras naturezas. 

O valor apresentado pela Anatel é diferente dos R$ 10 bilhões apresentados pela operadora em seu plano de recuperação judicial.

Steinbruch deve perder obras da ferrovia Transnordestina

De acordo com o jornal Valor Econômico, Temer não acredita mais que o empresário Benjamin Steinbruch possa dar uma solução para o fim das obras da Transnordestina, que já duram mais de uma década.

Ele seria indenizado pelos investimentos já realizados e a ferrovia poderia ser relicitada.

Arrecadação com repatriação dá um salto na reta final

O governo já garantiu a arrecadação de R$ 12 bilhões com impostos e multas de pessaos que mantiveram dinheiro escondido no exterior, de acordo com informações da coluna da jornalista Mônica Bergamo, na Folha de S. Paulo.

Cerca de R$ 4 bilhões foram declarados de segunda até quinta-feira desta semana.

Bolsas asiáticas fecham em alta após dados chineses de inflação

As bolsas asiáticas fecharam em alta hoje, após dados chineses de inflação que superaram as expectativas.

Números oficiais publicados no fim da quinta-feira mostraram que a prolongada deflação industrial na China chegou ao fim, enquanto a inflação ao consumidor veio acima do esperado.

PEC do teto pode ser revista em 4 ou 5 anos, diz Temer

O presidente Michel Temer afirmou em entrevista a Miriam Leitão, na Globonews, que a PEC 241, que prevê teto para os gastos públicos por 20 anos, poderá ser revista daqui a “quatro, cinco ou seis anos”, por meio de uma nova PEC que altere o prazo de revisão da proposta.

Para Temer, está sendo disseminada uma ideia de que a lei promove um “engessamento” da economia e que não poderia ser alterada pelo Congresso.

Americanas demonstra interesse em fatia da BR Distribuidora

A rede varejista Lojas Americanas manifestou interesse em participar do processo de aquisição de participação societária na BR Distribuidora, unidade de combustíveis da Petrobras.

A Petrobras não estimou um valor para a BR Distribuidora, mas toda a subsidiária de combustíveis da estatal chegou a ser avaliada no passado por cerca de 10 bilhões de dólares por analistas do UBS Securities.

Ambev, Heineken e Coca-Cola se preparam para dor de cabeça

Ambev, Heineken, Coca-Cola e outras produtoras bebidas lutam contra uma mudança no sistema de monitoramento da produção para fins de tributação que, segundo elas, deixará a indústria exposta a fraudes e colocará segredos comerciais em risco.

No novo Bloco K, as empresas ficarão responsáveis por informar à Receita, manualmente, a quantidade de ingredientes comprados e os volumes produzidos por elas.

Juiz do DF aceita denúncia e Lula vira réu pela 3ª vez

O juiz Vallisney de Souza Oliveira, da 10ª Vara Federal de Brasília, abriu a terceira ação penal contra Luiz Inácio Lula da Silva na Justiça, incluindo também no processo Marcelo Odebrecht e outros nove acusados de fraude em empréstimos do BNDES.

O ex-presidente terá que responder pelos crimes de tráfico de influência, organização criminosa, lavagem de dinheiro e corrupção passiva. 

Cade considera complexa a fusão entre Bovespa e Cetip

A Superintendência-Geral do Cade publicou um despacho em que considera complexo o Ato de Concentração envolvendo a operação de combinação de negócios entre BM&FBovespa e Cetip.

Apesar da observação, a superintendência entende que não seja necessário estender o prazo de 240 dias para análise do caso.

Samsung prevê impacto de US$ 3,1 bi no lucro operacional

A Samsung Eletronics disse que espera um impacto de cerca de US$ 3,1 bilhões no lucro operacional do último trimestre deste ano e nos três primeiros meses de 2017, em razão da interrupção da produção de seu smartphone Galaxy Note 7.