Outback encoraja funcionários a empreenderem

Salim Maroun, Presidente da rede, detalha a crença da empresa e conta como passa para seus 3.629 colaboradores a questão de se importar com o cliente

Rio de Janeiro – Um bom atendimento deve inevitavelmente passar por um treinamento de qualidade dos funcionários. No caso do Outback, que atendeu cerca de 10 milhões de clientes em 2011, a companhia precisa se importar ainda mais com seus colaboradores, para poder confiar que eles estão seguindo a filosofia da empresa. Salim Maroun, Presidente da rede, explica como faz para passar para seus “outbackers” a crença de se importar com o cliente.

Atualmente, a rede tem 3.629 atendentes, a maior parte bem jovem, que, segundo Maroun, são tratados pela empresa com o mesmo carinho que espera que eles transmitam aos consumidores. Uma das maneiras de engajar estes outbackers é encorajá-los a serem empreendedores, fazendo com que eles se sintam parte da empresa, até como sócios.

A estratégia traz resultado. Segundo Maroun, o Outback tem, no mundo do food service, o menor turnover de pessoal e nunca perdeu um sócio. Cerca de 57% dos sócios nos restaurantes são ex-atendentes e, entre esses, 55% são mulheres. Já o maior desafio, para o presidente, é cultivar a coragem de sempre estar pronto pra entregar o melhor, não importa o sucesso obtido.

http://player.sambatech.com.br/current/samba-player.js?playerWidth=590&playerHeight=332&ph=764fa3002f1860900c396ecef3cd6b3e&m=2c9f94b534429177013442cd17c000a2&profileName=sambaPlayer-embed.xmlhttp://player.sambatech.com.br/current/samba-player.js?playerWidth=590&playerHeight=332&ph=764fa3002f1860900c396ecef3cd6b3e&m=2c9f94b534429177013442cd17c000a2&profileName=sambaPlayer-embed.xml