A montadora indiana Tata Motors decidiu mudar o nome de seu novo modelo, inicialmente chamado Zica, que lembra o vírus zika, declarado pela OMS uma emergência de saúde pública mundial.

"Em solidariedade com o sofrimento provocado pela recente epidemia do vírus zika, a Tata Motors, enquanto empresa socialmente responsável, decidiu mudar a marca do carro", afirma a montadora em um comunicado.

A empresa pretende anunciar o novo nome dentro de algumas semanas.

A Tata Motors promoveu nas últimas semanas o Zica, um carro pequeno, com uma campanha de publicidade que tem como protagonista o craque argentino Lionel Messi.

Mas o lançamento do modelo coincidiu com a crescente preocupação mundial com o vírus zika, que afeta sobretudo a América Latina.

Os médicos suspeitam que o vírus pode provocar microcefalia nos fetos.

A Organização Mundial da Saúde (OMS), que prevê de três a quatro milhões de casos em 2016 no continente americano, declarou na segunda-feira uma emergência de saúde pública mundial pelo vírus zika.

O Brasil, país mais afetado, recomendou que as grávidas não compareçam aos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em agosto.

Texto atualizado às 10h38.

Tópicos: Carros, Autoindústria, Veículos, Empresas, Tata, Montadoras, Empresas indianas, Zika, Doenças