Aguarde...

Série | 04/10/2013 12:35

O que Breaking Bad nos ensina sobre a construção de marcas?

Estrategista sênior da agência norte-americana gyro, resolveu relacionar a trajetória de Walter White com a das marcas bem sucedidas

Reprodução

Walter White, de Breaking Bad

Walter White, de Breaking Bad: para Bemis o motivo do sucesso do seriado se tratava da construção de um personagem

São Paulo - Luke Bemis, estrategista sênior da agência norte-americana gyro, resolveu relacionar a trajetória de Walter White, personagem principal da série vencedora do Emmy 2013, Breaking Bad, com a das marcas bem sucedidas.

Em artigo publicado na Forbes, Bemis relata que, após ser confrontado por um amigo que lhe perguntou os motivos que faziam o seriado criado por Vince Gilligan tão bom, começou a refletir que tudo se tratava da construção de um personagem.

Em Breaking Bad, um professor de química é diagnosticado com câncer no pulmão e, por causa do prognóstico fatídico, resolve fabricar metanfetamina a fim de deixar uma herança pomposa para a família. Surpreendentemente, - E AQUI HÁ UMA PITADA DE SPOILERS, OK? - Walter White obtém êxito e “sua marca” fica conhecida nos Estados Unidos e em parte da Europa.

O estrategista enumera três princípios inspirados no personagem interpretado pelo ator Bryan Cranston que podem guiar aqueles que buscam receitas de sucesso no mundo das marcas.

Princípio 1: Tenha uma visão

Não importa o tamanho de seu negócio, tenha confiança no que você faz e no futuro de sua companhia. Veja o exemplo do Netflix, que sempre se tratou como uma empresa de vídeos via streaming antes mesmo da tecnologia se consolidar.

Princípio 2: Pontos fortes e extensão de negócios

Desenvolva um produto que foque em seus pontos fortes e, após estabelecê-lo num local, estenda seu mercado. O Google, por exemplo, comprou Motorola para ampliar sua posição de marca relacionada à entrega de informações em dispositivos físicos.

Princípio 3: Equipe seus vendedores

Para Bemis, se a sua equipe de vendas não está armada para ter conversas que se alinham à sua estratégia de marca, seus esforços serão paralisados.

Comentários (0)  

Editora Abril

Copyright © Editora Abril - Todos os direitos reservados