São Paulo - No mês de conscientização contra o câncer de mama (o Outubro Rosa), uma campanha sobre o tema ocupou de forma inventiva as ruas de São Paulo. A ação fez intervenções nos grafites da paisagem urbana, retirando os seios das mulheres grafitadas nos muros da capital para retratar a mastectomia.

Cartazes tipo lambe-lambe foram sobrepostos em grafites com nus femininos com a ideia de deixar claro que todas as mulheres, inclusive as dos grafites estão vulneráveis ao câncerCom a ação "Tinta contra o câncer”, assinada pela agência JWT para o hospital A.C. Camargo, a ideia é mostrar a importância dos exames preventivos e do tratamento adequado.

Segundo as empresas, os artistas do grafite paulistano cederam os trabalhos para a intervenção urbana. As obras alteradas ficam na Praça da República, Rua Luminárias e na Avenida Ataliba Leonel, e cada uma ganhou ainda menção à hashtag 
#LigaDoRosa.

De acordo com o diretor criativo da JWT, Ricardo John, o fato de o grafite ser uma arte muito presente na cidade pode contribuir para conscientizar grande número de pessoas e de variadas idades.“Por dialogar com todo o tipo de público, a campanha pode atingir também aos adolescentes e aos homens que, no papel de filhos, namorados, pais e maridos, podem ajudar a influenciar na conscientização e prevenção da doença”. Assista ao vídeo que mostra as intervenções.

Tópicos: Agências de publicidade, Grafite, Saúde, São Paulo, Cidades brasileiras, Metrópoles globais