São Paulo - Nas últimas semanas, outdoors misteriosos apareceram em Nova York, São Francisco e Los Angeles, nos Estados Unidos. Em fundo branco, exibiam apenas as frases: "A internet deve ser regulamentada" e "Seus dados devem pertencer à NSA (Agência Nacional de Segurança americana)".

Pode parecer estranho, mas não é nenhum grupo conservador que está por trás dos anúncios. Trata-se de uma campanha do site de compartilhamento de arquivos BitTorrent. O grupo assumiu a ação de marketing num post em seu blog oficial nesta terça-feira.

No mesmo dia, as mensagens foram alteradas ou tiveram palavras trocadas. “A internet deve ser alimentada pelas pessoas”, dizia a nova versão. “Seus dados pertencem à você”, esclareceu outra, riscando a citação ao NSA que anteriormente fazia parte da peça.

No texto que explica a estratégia, Matt Mason, VP de marketing da empresa, disse que os outdoors foram produzidos com o objetivo de relembrar ao mundo o que está em jogo na rede mundial de computadores.

Em entrevista ao Mashable, Mason afirmou que a revelação quer estimular o senso crítico das pessoas. "A proposta é mostrar que as coisas não precisam necessariamente ser daquela forma", disse. O executivo afirmou ainda que a ação faz parte da primeira grande campanha de marketing do site. "Por muito tempo a palavra 'BitTorrent' foi utilizada no espaço da pirataria", diz. "Queremos começar a dizer em alto e bom som que somos uma companhia tecnológica respeitável".

Confira o antes e depois dos outdoors:

Tópicos: Internet, Marketing de guerrilha, NSA