Globo se exime de culpa na ação da P&G no Rio

Caixas encontradas em Ipanema envolvem promoção com Avião do Faustão

São Paulo – Ação promocional que gerou polêmica no Rio de Janeiro, nesse momento em que a cidade vive conflito armado entre polícia e bandidos, as caixas suspeitas de conterem artefatos explosivos no bairro de Ipanema não tem participação da Rede Globo de Televisão.

A assessoria de imprensa da emissora esclarece que a responsabiliodade do projeto é do anunciante Procter & Gamble. A criação da promoção das caixas é da agência New Style que contou com a participação da coligada carioca Moda. Era um teaser para reforçar o avião que entrega prêmios em todo o País batizado de Avião do Faustão. A idéia do avião foi sugerida à P&G pela Africa.

A P&G emitiu o seguinte comunicado: “A P&G esclarece que as caixas colocadas em pontos na cidade Rio de Janeiro  faziam parte de uma ação promocional da empresa. Lamentamos profundamente pelo desconforto causado à população. Aproveitamos para informar que a ação foi imediatamente suspensa no Rio de Janeiro e nas demais cidades. A empresa se coloca à disposição para quaisquer informações”.