Dinamarca faz campanha para alertar sobre afogamentos

Para lembrar que o mar é perigoso, agência "desenvolveu" um novo tipo de comida de peixe orgânica, feita inteiramente de vítimas de afogamento

Campanha com alertas de segurança costumam ter um tom nada amistoso, já que o objetivo principal é conscientizar as pessoas. Mesmo na Dinamarca, um país onde o IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) está lá no alto e tudo parece funcionar bem, muito gente ainda insiste em brincar com a sorte.

Para lembrar as pessoas que o mar é perigoso, a agência local Hjaltelin Stahl desenvolveu um novo tipo de comida de peixe orgânica, feita inteiramente de marinheiros e pescadores, vítimas de afogamento.

O objetivo é fazer com que as pessoas passem a usar colete salva-vidas com mais frequência.

As peças da campanha pegam pesado na mensagem, com frases como feita inteiramente da estupidez de marinheiros ou Não contém traços de salva-vidas.

“Não contém traços de salva-vidas” (Divulgação)

“Feito inteiramente de estupidez e marinheiros” (Divulgação)