Dólar R$ 3,27 -0,31%
Euro R$ 3,66 0,08%
SELIC 11,25% ao ano
Ibovespa 1,60% 62.662 pts
Pontos 62.662
Variação 1,60%
Maior Alta 9,53% JBSS3
Maior Baixa -1,42% EMBR3
Última atualização 23/05/2017 - 17:20 FONTE

Bancos lideram ranking das marcas mais valiosas do Brasil

Nas cinco primeiras posições, Itaú, Bradesco, Petrobras, Banco do Brasil e Skol repetem desempenho do ano passado, de acordo com a Interbrand

São Paulo – Mantendo as mesmas colocações de 2010, Itaú, Bradesco, Petrobras, Banco do Brasil e Skol continuam lideranto o ranking das 25 marcas mais valiosas do Brasil em 2011, segundo a consultoria Interbrand. Juntas, as cinco marcas representam quase 75% do valor total das 25 posições, que chega a quase R$ 92 bilhões.

Assim como aconteceu nas edições anteriores, a maioria das marcas acompanhadas pela consultoria se valorizou e, mais uma vez os três maiores bancos do país estão no topo. Com um crescimento de 18% em relação a 2010, Itaú permanece na primeira posição, valendo R$ 24,29 bilhões. Já o Bradesco alcançou R$ 13,63 bilhões, uma alta de 10%. Na terceira colocação, Petrobras obteve um crescimento de 7% e chegando a um valor de R$ 11.608 bilhões, seguida do Banco do Brasil (R$ 11,309 bilhões) e Skol (R$ 7,277 bilhões).

O estudo destaca o retorno da Vale ao ranking de 2011, na oitava posição, com valor de R$ 2,65 bilhões. A última aparição da empresa na lista havia sido em 2009, quando valia R$ 3,1 bilhões. A mineradora havia ficado de fora da lista no ano passado, impactada pela crise financeira iniciada no fim de 2008.

Também entram com participação inédita no ranking as marcas Cielo (14º – R$ 604 milhões), Caixa Econômica Federal (16º R$ 563 milhões), Extra (19º – R$ 496 milhões), Casas Bahia (20º – R$ 447 milhões), Pão de Açúcar (22º – R$ 389 milhões) e Ponto Frio (24º – R$ 232 milhões).

Se comparado ao ranking do ano passado, a Renner saiu das dez primeiras posições, ocupando em 2011 a 11ª colocação, com valor estimado em R$ 835 milhões.

Para entrar no ranking, as marcas devem atender alguns critérios básicos: ser originária do Brasil, ser listada em Bolsa de Valores ou publicar informações contábeis e financeiras, fornecer informações suficientes para a identificação da receita individual de suas marcas, gerar EVA positivo (geração de valor do negócio uma vez que a empresa remunera todo o capital investido na operação) e ser amplamente reconhecida nos seus principais mercados.

Veja a lista completa:

Marcas Valor R$ Crescimento
1. Itaú 24.296 bi  +18 %
2. Bradesco 13.633 bi  +10 %
3. Petrobras 11.608 bi  +7 %
4. Banco do Brasil 11.309 bi  +8 %
5. Skol 7.277 bi  +10 %
6. Natura 5.666 bi  +22 %
7. Brahma 4.351 bi  +21 %
8. Vale 2.656 bi Não entrou no ranking anterior
9. Antarctica 2.013 bi  +15%
10. Vivo 1.700 bi  +16 %
11. Lojas Renner 835 mi  +7 %
12. Lojas Americanas 703 mi  +17 %
13. Embratel 619 mi  -15%
14. Cielo 604 mi Estréia no ranking
15. Cyrela 587 mi  +8 %
16.Caixa Econômica Federal 563 mi Estréia no ranking
17. Oi 514 mi  +9 %
18. Banrisul 501 mi  – 22%
19. Extra 496 mi Estréia no ranking
20. Casas Bahia 447 mi Estréia no ranking
21. Braskem 422 mi  – 6 %
22. Pão de Açúcar 389 mi Estréia no ranking
23. NET 323 mi  +10 %
24. Ponto Frio 232 mi Estréia no ranking 
25. Hering 209 mi  +45 %