Um relógio inspirado em jogo de xadrez

Ao invés de utilizar algarismos tradicionais, diversas peças de xadrez representam a marcação das horas em vermelho e preto

São Paulo – Em 1859, o mestre americano de xadrez Paul Morphy foi presenteado com um relógio de bolso pelo comitê de depoimento do clube de xadrez de Nova York. Morphy, um dos maiores mestres do esporte de sua época e um campeão mundial não-oficial, também foi descrito como “o orgulho e a tristeza do xadrez” devido a sua brilhante, mas breve carreira neste universo.

O relógio de bolso de Morphy desapareceu em algum momento de 1921 e, atualmente, apenas o mostrador esmaltado original sobreviveu. Ele está exposto no Museu de Relógios de Pulso e de Bolso em Columbia, nos Estados Unidos. E foi lá que um membro da relojoaria RGM viu este mostrador e soube que ele serviria para uma nova criação em algum momento.

Ao invés de utilizar algarismos tradicionais romanos em seu mostrador, diversas peças de xadrez representam a marcação das horas em vermelho e preto. O rei preto é representado às 12 horas, enquanto o rei vermelho está às 6 horas. As rainhas opostas estão à 1 e 11 horas, os bispos às 2 e 10, cavalos às 3 e 9, torres às 4 e 8 e peões às 5 e 7.

A relojoaria americana escolheu criar este mostrador esmaltado com peças similares na indicação de horas. Este modelo, batizado como “Chess in enamel” marca o primeiro relógio lançado pela RGM com mostrador de duas camadas em esmaltação Grand Feu e também marca o início da celebração dos 25 anos da companhia.

A caixa elaborada em aço é elaborada no condado de Lancaster, na Pensilvânia, nos Estados Unidos. Ela mede 43,3 mm de largura e possui 12,3 mm de espessura. A relojoaria ainda disponibiliza versões em ouro e platina sob encomenda. São dois cristais de safira – um para a frente e um para o verso do relógio – e carrega o movimento de corda manual 801 da companhia, que completa 10 anos em 2017. São 19 joias, operação a 18.000 vph e 44 horas de reserva de energia.

Apenas 25 modelos serão produzidos na versão em aço, que tem um valor comercial em US$ 13.900, sem adição de impostos e taxas. A RGM não é comercializada no Brasil.