Previna doenças com sucos funcionais

Especialistas têm recomendado bebidas nos sabores cranberry, ameixa e romã para incluir mais nutrientes às refeições

São Paulo – Enriquecer as dietas alimentares com sucos funcionais tem sido uma recomendação frequente dos especialistas para a prevenção de doenças e melhorar o funcionamento do organismo humano. Segundo a nutricionista Andréia Naves, as frutas como ameixa, cranberry e romã são fontes de nutrientes benéficos ao organismo.

“Essas bebidas contribuem, por exemplo, para a redução do risco de doenças crônicas não transmissíveis, como hipertensão arterial, e outras cardiovasculares, além de diabetes, hipercolesterolemia, resistência à insulina, obesidade e câncer,” afirma.

De acordo com a especialista, a cranberry contém vitaminas (principalmente a tipo C), minerais, fibras dietéticas e compostos bioativos, como flavonoides e taninos, que são muito recomendados para a prevenção de alguns problemas do trato geniturinário, como cistite.

“Esse fruto é uma das maiores fontes de flavonoides e apresenta diversos efeitos positivos, como a redução do risco de doenças cardiovasculares, atividade anticâncer, anti-inflamatória, imunomoduladora, hepatoprotetora e antioxidante,” explica. As substâncias contidas na cranberry impedem a adesão de bactérias na bexiga, como a Escherichia coli, uma das causadoras da infecção urinária.

Andréia explica também que a ameixa contém fenólicos e proantocianidinas, que atribuem à fruta significativo poder antioxidante e previne danos às células, como envelhecimento precoce e o agravamento de cânceres. “Por conter fibras, essa fruta ajuda na integridade intestinal e no processo de emagrecimento, pois aumenta a sensação de saciedade, além de reduzir o colesterol sanguíneo e controlar a glicemia,” diz.

A nutricionista ressalta as pesquisas que apontam a eficiência do suco de romã pela ação antioxidante e por conter minerais, como magnésio, zinco e selênio. “Além disso, essa fruta contém atividade anti-inflamatória, anticâncer, antimicrobiana e anti-helmíntica (fármacos que expelem vermes do trato gastrointestinal).”